Home » Notícias, Tecnologia

Samsung abre centro para desenvolvimento de aplicativos em SP

29 Abril 2014 Não há comentários

A Samsung lançou nesta terça-feira sua nova sede para desenvolvimento de aplicativos e jogos, o Ocean Samsung, em São Paulo. A proposta do novo escritório localizado na região da Faria Lima é funcionar como um centro de treinamento para a comunidade de desenvolvedores e estudantes.

 “Muitos desses desenvolvedores têm background de tecnologia, mas são carentes de treinamento e orientação profissional”, afirma o diretor da companhia, Fábio Croitor.

“A Samsung é uma das empresas que mais desenvolve patentes nos Estados Unidos, ao lado da IBM”, conta Yananbae Kim, presidente de pesquisa e desenvolvimento da companhia. Com mil funcionários dedicados ao desenvolvimento apenas no Brasil, 600 em Campinas e 400 em Manaus, Yananbae diz que o Ocean não deve integrar profissionais ou comprar suas startups. “Gostaria que o novo centro funcionasse como um instituto”, explica o executivo sul-coreano.

 Atualmente, a Samsung investe 6% de seu lucro em pesquisa e desenvolvimento, cerca de US$ 16,3 bilhões. O Ocean já possui parcerias com entidades como Universidade Presbiteriana Mackenzie, Universidade de São Paulo (USP), Centro Universitário Anhanguera, Universidade Estadual Paulista (Unesp) e Universidade do Estado do Amazonas.

“É uma via de mão dupla”, defende Croitor. “As universidades formam grupos de estudos e trazem os alunos. Por outro lado, elas cedem seus professores.”

A parceria com a universidade amazonense terá ainda outra instalação além do Ocean, que será construída dentro da instituição em Manaus. Dentro do espaço de 500 metros quadrados, a Samsung oferecerá cursos livres de curta duração e intensivos, esses devem durar um semestre. Até o fim de 2014, a Samsung espera que o centro receba quatro mil alunos.

Dia do desenvolvedor
A Samsung ainda anunciou a primeira edição do Developer Day no Brasil, um evento dedicado aos desenvolvedores dos produtos e as novidades tecnológicas da companhia. O evento deve durar dois dias, oferecendo palestras e uma hackaton, espécie de maratona dedicada ao desenvolvimento de aplicativos.

 Questionado se a Samsung deve lançar algum produto no Brasil durante a conferência, como fazem a Microsoft e a Apple em encontros do gênero, Croitor negou a possibilidade.

fonte: www.terra.com.br

Deixe sua resposta!

Adicione seu comentário abaixo, ou trackback de seu próprio site. Você também pode subscribe to these comments via RSS.

Seja agradável. Mantenha-o limpo. Mantenha-se no tópico. Sem spam.

Você pode usar essas tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>